UpGestão Blog para o seu negócio

Estoque produtos Inventário Saldo
Postado em :
6 de nov de 2019
Estoque em excesso? Muitos acreditam ser uma aposta, mas é necessário cautela

Estoque em excesso? Muitos acreditam ser uma aposta, mas é necessário cautela

Muitas empresas dizem que seu estoque massivo é devido a novas aberturas de lojas e operações expandidas no comércio eletrônico, mas o que vemos é o gerenciamento deficiente de estoque e as ofertas de produtos abaixo do esperado.

Seja qual for o motivo, o estoque excessivo é uma aposta que pode facilmente levar a perdas. O inventário é necessário para fazer vendas, mas e se não houver a venda esperada?

Uma lição de escola de negócios sobre inventário

Os estudantes de empreendedorismo aprendem que o melhor método desenvolvido para startups é o receber o pagamento mais cedo e pagar contas mais tarde. Produzir um influxo de estoque apenas para armazenamento não ajudará a empresa a obter sucesso. A chave é minimizar o estoque, mas possuir o suficiente para aproveitar qualquer aumento repentino na demanda.

Novos negócios sempre precisarão de uma curva de aprendizado para descobrir como alinhar adequadamente a produção à demanda; não há experiência suficiente para compreendê-la. E mesmo grandes empresas estabelecidas enfrentam incertezas. Olhe para o Surface original da Microsoft. O computador tablet Surface RT (como o Zune antes dele) foi um grande fracasso e causou um  write-off de quase um bilhão de dólares  para o gigante da tecnologia.

Esses fracassos prejudicam as grandes empresas, mas são ainda mais prejudiciais para as startups com problemas de caixa, que podem fixar todas as suas metas futuras de produção ou crescimento em estoques perdidos. Mesmo que uma pequena empresa possa vender seus produtos, o aumento de escala torna a estratégia de estoque muito mais complicada.

Otimize sua estratégia de inventário

É fácil acumular despesas produzindo, armazenando estoques e tendo dificuldades com as vendas. Empresários prudentes deverão prestar muita atenção à política de estoques e formular uma estratégia baseada em quatro pontos chave.

Minimize o inventário

O melhor estoque do ponto de vista de caixa é um estoque vazio, o que significa que as mercadorias foram vendidas e o dinheiro está no banco. Se sua empresa puder produzir sob demanda, ela poderá ser paga antes mesmo que a produção comece. Mas até mesmo empresas com grande volume de mercadorias podem encontrar maneiras de manter o inventário enxuto sem sacrificar as oportunidades de vendas.

Nike, por exemplo, tem mais oferta do que demanda. Seu excesso de estoque é tão ruim que a Goldman Sachs reduziu seu rating de “buy” para “neutral”, à medida que a empresa luta com o mercado asiático.

Se sua empresa espera uma demanda crescente por seus produtos, ela deve manter o estoque para atender as vendas maiores. Mas não exagere. Se essas vendas não se concretizarem, esse inventário pode significar a morte.

Vamos supor que uma empresa está no meio de um plano de cinco anos para melhorar seu gerenciamento de estoque. O varejista planejou sua sobrecarga de estoque localizando mercadorias de acordo com as preferências e o clima de cada loja, o que reduz a quantidade de estoque restante no final de cada estação. Com tecnologia mais reativa, a empresa também conseguiu dinamizar as principais marcas e as vendas online, reduzindo o acúmulo de estoques. Assim a empresa atribui essa estratégia de inventário a margens muito maiores

Produzir sob demanda

Em vez de produzir e armazenar mercadorias, que exigem orçamento, mova esse custo para os fornecedores. Tenha um contrato que lhe permita flexibilidade enquanto espera que os fornecedores produzam para você sob demanda. Essa estratégia é chamada de fabricação just-in-time (JIT).

O JIT custa mais, mas é uma solução melhor para melhorar o fluxo de caixa e não ficar com o estoque não vendido. A Harley-Davidson implementou recentemente esse processo para evitar o excesso de produção. Ao fazer isso, a empresa reduziu os níveis de estoque em 75%  e eliminou ineficiências em sua produtividade.

Planeje seu inventário para vendas direcionadas

Empreendedores, muitas vezes em excesso, são otimistas sobre o potencial de seus negócios. Para manter as expectativas realistas, direcione o estoque para atender às necessidades de seus clientes priorizados em seu mercado de público alvo.

A razão n° 1 das empresas fracassarem? Não atender à necessidade específica do mercado. Outros segmentos podem querer comprar seus produtos, mas isso não significa que você precise ter produtos suficientes à mão para satisfazer todos eles. Direcione, primeiramente, ao seu público alvo e pense no resto, se de fato necessário, quando estiver mais estável.

gestão de estoque é um dos aspectos mais importantes para empresas de qualquer porte em qualquer mercado. Pensar que o estoque para o futuro pode parecer uma jogada inteligente, mas apenas amarra o capital em produtos que nem sempre garantem seu retorno para o negócio. Não caia nessa armadilha – faça da gestão de estoque a prioridade máxima de sua empresa.

Com o Software Online UpGestão, você conseguirá fazer uma gestão de estoque e inventários de forma tranquila e prever quando precisará adquirir novos produtos. Permitirá que a sua empresa cresça de forma sustentável e segura.

Experimente o UpGestão agora mesmo por 7 dias grátis, e confira o módulo de produtos. Veja como é fácil fazer a gestão de estoque e inventários com apenas um clique.

Começe já a utilizar o UpGestão

Um bom Sistema de Gestão Online otimiza sua rotina de administrador, permite que você tenha uma visão ampla dos processos da empresa, além de trazer recursos para que você tome suas decisões da forma mais estratégica e inteligente possível.

Experimente Gratis
.